fbpx

Saber cada fase da propagação de incêndios é muito importante em uma situação de emergência. Sabe por quê?

Existem algumas etapas em que é possível tentar apagar as chamas por conta própria. Mas, em outras, é preciso deixar a extinção do fogo para os bombeiros e sair do local o quanto antes.

Gostaria de saber sobre a propagação de incêndios em mais detalhes? Continue essa leitura!

Fases da propagação de incêndios

Hoje vamos tratar de um assunto muito importante: a propagação de incêndios.

Seja para nos proteger ou preservar nossos patrimônios, é interessante saber quando podemos intervir e apagar um foco de incêndio. Porém, nem sempre isso é possível, já que existem casos onde é preciso pedir a ajuda de profissionais – no caso, os bombeiros.

A propagação de incêndios se divide em estágios bem definidos, com características próprias. Confira melhor cada uma delas, para saber como agir:

Ignição

É quando o incêndio começa, sendo que o oxigênio do ambiente ainda não está muito reduzido. Neste primeiro momento, o fogo está gerando o vapor de água, o monóxido de carbono e outros tipos de gases.

A temperatura do ambiente não está muito acima no normal, mas o calor vai evoluir conforme o fogo aumenta.

Enquanto está neste estágio, é possível procurar a causa do incêndio e tentar apagá-lo. Lembrando que para cada tipo de foco é preciso uma extinção específica, como vimos neste outro post.

Propagação

Caso o fogo não seja apagado em sua ignição, ele passa para a próxima etapa: a propagação do incêndio. Neste estágio, as chamas se espalham pelo ambiente, consumindo os materiais que encontra no caminho.

Dependendo do tipo dos materiais presentes no ambiente, a propagação de incêndio pode ser mais rápida ou mais lenta. Em lugares onde existe muito papel ou que contenham combustíveis como álcool ou gasolina, as chamas agem mais rapidamente. Mas, também, existem substâncias que ajudam a conter a propagação, como o cimento e o concreto.

Dependendo da velocidade em que acontece a propagação de incêndio, ainda é possível tentar extinguir o fogo nesta etapa.

Combustão contínua

Este estágio é onde o calor gerado pelas chamas são capazes de provocar a combustão em objetos próximos. 

É nesta etapa também que os gases preenchem o ambiente, se espalhando de cima para baixo. Isso faz com que o ar frio fique perto do chão e a fumaça se acumule perto do teto.

A combustão contínua permanece enquanto existir combustível e comburente.

Aqui já não é possível tentar apagar as chamas. O recomendado é acionar os bombeiros e deixar o local.

Redução do fogo

A queima lenta é o último estágio da propagação do fogo, onde as chamas continuam ardendo, enquanto tiverem comburentes para consumir. Então, caso não tiver mais ar suficiente para sustentá-las, elas podem se extinguir. 

Ao fim deste estágio da propagação de incêndio, as chamas se reduzem a brasas. O ambiente, por sua vez, fica totalmente tomado pela fumaça e pelos gases, gerando calor intenso.

Justamente por causa deste calor, os produtos da combustão vão estar superaquecidos e podem explodir se entrarem em reação com o oxigênio. Este fenômeno é o que chamamos de backdraft, e é causado pela ventilação inadequada do ambiente em queima lenta.

Estas são as fases da propagação de incêndio. Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre alguma delas, deixe sua pergunta nos comentários.

Inibição da propagação de incêndios em edificações

Existem materiais que podem ser empregados nas obras, que são capazes de inibir as chamas em propagação de incêndios. E muitos outros estão sendo desenvolvidos, pensando especialmente em garantir a segurança dos usuários da edificação. 

Por isso é importante acompanhar estas novidades e aproveitá-las. Para ficar por dentro das inovações do setor construtivo, você pode assinar nossa newsletter.

Além disso, na NBR 15575 está especificado que os materiais utilizados nas construções devem ter esta ação moderadora. Então, é uma obrigação dos arquitetos conhecer bem esta norma para diminuir o impacto do incêndios em suas edificações. 

Para adequar as edificações às exigências da NBR 15575 no que se refere à propagação de incêndios, você também pode contar conosco. A UGreen oferece toda a orientação e suporte que forem necessários.

E lembre-se: se você perceber que não é capaz de extinguir o foco de incêndio, saia do local o mais rápido possível. A prioridade deve ser a sua vida, sempre! 

agosto 30, 2019
© 2018 UGREEN