fbpx

O Que é uma Casa Ecológica

Imagine morar em uma casa integrada à natureza, bem iluminada e com temperaturas agradáveis o ano todo. Além disso, em uma casa ecologicamente correta.

Uma casa ecológica é saudável tanto para seus moradores quanto para o meio ambiente.

Hoje, a escassez de recursos naturais é um incentivo para que cada vez mais pessoas busquem viver com um menor impacto.

Nesse sentido, a casa se torna uma grande aliada. Uma casa ecológica acaba transformando a rotina de seu morador em uma rotina mais ecológica também. Ela permite viver em maior harmonia com o meio natural.

Hoje, existe um grande movimento de valorização de iniciativas ecológicas. Por esse motivo, essas casas tendem a ser valorizadas pelo mercado imobiliário. Além disso, sua concepção permite economia de água e energia elétrica, gerando um bom retorno financeiro.

Se você ainda não sabe o que é uma casa ecológica, fique tranquilo. Neste artigo você vai aprender:

  • Diferença entre uma casa ecológica e uma casa sustentável
  • O que é uma casa ecológica
  • Primeiros passos para construir uma casa ecológica
  • Materiais e técnicas utilizadas

Mas fique atento, para construir qualquer casa, é necessário um suporte técnico de um profissional.

1. O que é uma casa ecológica

Uma casa ecológica é pensada desde o início para tirar partido da natureza ao seu redor. Ela é projetada considerando inúmeros aspectos, como:

  • Orientação solar
  • Clima
  • Tradições locais
  • Materiais disponíveis na região e de baixo impacto
  • Ventos
  • Sombras
  • Relevo
  • Cursos d’água

Muitas vezes, casas ecológicas podem ser uma alternativa mais barata para construir. Afinal, elas tiram proveito da matéria-prima natural disponível.

Utilizando diferentes técnicas construtivas, muitas casas hoje são construídas em forma de mutirão. Assim, a própria comunidade ajuda e aprende em simultâneo.

Em geral, essas casas buscam a autossuficiência. Ou seja, não depender de recursos externos, como água e energia. Mas sim, apoiar-se em uma tecnologia de captação de água e energia de acordo com a disponibilidade.

Você pode estar pensando que todas essas são características de uma casa sustentável, não é mesmo?

Então, qual seria a diferença entre uma casa ecológica e uma casa sustentável?

2. Diferença entre uma casa ecológica e uma casa sustentável

Como visto acima, uma casa ecológica deve ser pensada desde o início para ser concebida em harmonia com a natureza.

Isso significa que ela precisa estar mais próxima desses recursos naturais. De preferência em áreas rurais ou afastadas de grandes centros urbanos.

Já casas sustentáveis, tem uma característica mais adequada à realidade urbana. Contudo, possuem tecnologias que aumentam sua eficiência energética e diminuem seu impacto ambiental.

Portanto, uma casa “normal”, pode se tornar uma casa mais sustentável se, por exemplo, adotar um sistema de coleta de água da chuva. Ou também ao instalar painéis para captação de energia solar.

Se sua intenção é construir uma casa ecológica, veja agora por onde começar.

3. Primeiros passos para construir uma casa ecológica

Antes de qualquer coisa, você deve se familiarizar com o espaço, isto é:

  • Analisar o clima do local

É seco ou úmido? Frio ou quente? As chuvas são frequentes, ou chove pouco? Quanto melhor for esta análise, mais confortável a casa irá ficar.

  • Observe as matérias-primas disponíveis

Veja se há disponibilidade de madeira, terra, areia, bambu, palha e outros mat1eriais que podem ser utilizados na construção.

  • Converse com vizinhos e população local

Com certeza, pessoas que já moram nas proximidades saberão informar sobre o clima e possíveis desvantagens da região. Além disso, elas poderão indicar mão de obra local e serviços para a construção da casa.

  • Observar o caminho do sol e o sombreamento

Essa parte é essencial para o conforto térmico da casa. Ao analisar as partes mais ensolaradas e sombreadas do terreno, é possível otimizar a climatização da casa.

As partes mais sombreadas serão usadas no verão. Já as partes mais ensolaradas, no inverno. O ideal é posicionar os quartos na direção leste, para que recebam o sol da manhã.

Já as varandas, ao serem posicionadas na direção oeste, ajudam a minimizar o aquecimento da casa durante a tarde.

  • Pedir auxílio técnico de um arquiteto ou engenheiro civil

A construção de uma casa envolve inúmeros riscos na questão de segurança. Por isso, é imprescindível ter um profissional capacitado que acompanhe o projeto e a obra.

Além disso, ele possui conhecimentos que auxiliarão na disposição dos espaços, escolha da técnica construtiva, entre outros detalhes importantes.

A bioconstrução é um estilo construtivo presente casas ecológicas e que utiliza de materiais naturais.

4. Materiais e técnicas utilizadas

Existem diversas técnicas construtivas envolvendo a bioconstrução. A escolha da técnica irá depender da mão-de-obra e da matéria-prima presente no local.

Em geral, um dos materiais mais disponíveis no Brasil é a terra. Portanto, a maior parte das técnicas de bioconstrução utilizam terra como matéria-prima.

Aqui, iremos mostrar as técnicas mais comuns no Brasil:

  • Pau a pique ou taipa de mão

Casa ecológica

Técnica original das regiões norte e nordeste, mas também utilizada no cento e sul do país. Primeiro, é feita uma estrutura gradeada com galos, varas ou bambu. Depois, aplica-se manualmente uma massa com terra úmida, composta 40% por argila.

  • Adobe

Casa ecológica

Adobe são tijolos feitos de terra. Utiliza-se o mesmo tipo de terra que o pau a pique. A massa é colocada em formas retangulares, e logo depois retirada e colocada para secagem.

O tijolo maciço, após pronto, é utilizado para levantar paredes. Para o assentamento, geralmente se utiliza de uma massa a base de terra.

  • Tijolo de solo-cimento

Essa ta técnica consiste em uma mistura de terra com 10% de cimento. É um tijolo semelhante aos presentes nas paredes de tijolos aparentes. Sua preparação é feita em uma máquina semi manual que compacta a massa. Então, ele seca por 7 dias e está pronto para ser utilizado.

  • Cob

É uma mistura de terra com palha seca. Essa mistura é aplicada na parede como se fosse uma massa de modelar, sem estrutura adicional. Essa técnica permite formas mais orgânicas e resulta em paredes muito resistentes.

Casa ecológica

Uma técnica conhecia e utilizada no mundo inteiro, é a construção de paredes utilizando formas feitas com tábuas ou chapas metálicas. Essas formas são posicionadas paralelamente entre si. A massa composta de terra e palha é inserida no meio dessa forma. Um pilão manual irá compactar essa terra até que ela se torne um monólito.

Essas técnicas, somadas às estratégias bioclimáticas irão compor uma casa verdadeiramente ecológica.

Afinal, uma casa ecológica

É uma verdadeira sinergia entre o homem e a natureza. Uma possibilidade de morar em um local aconchegante causando o menor impacto possível no meio ambiente.

Casas ecológicas são casas mais saudáveis e que colaboram para um estilo de vida mais sustentável.

Além disso, elas estão sendo cada vez mais valorizadas. O valor de uma casa confortável, aconchegante e próxima da natureza é imensurável. Inclusive, essas casas são mais que necessárias no mundo atual.

Uma casa que sequestra carbono, preserva o ecossistema da fauna e flora local e cria um ‘habitat’ adequado ao ser humano.

Fonte:  IPOEMA

março 10, 2021
© 2018 UGREEN