Quais Os Benefícios da Iluminação Natural na Arquitetura?

Iluminação Natural

UM CURSO GRATUITO PARA A VANGUARDA DA INOVAÇÃO NA ARQUITETURA

UMA FUSÃO DE DESIGN SUSTENTÁVEL, EDIFÍCIOS DE ALTO DESEMPENHO E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

Ao clicar no botão, você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade, incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações.

[iframevideo]

[/iframevideo]

A Importância da Iluminação Natural

A iluminação solar, também conhecida como iluminação natural, sempre fez parte do dia a dia do ser humano, tanto para ditar o ritmo de vida (ciclos circadianos) quanto para estabelecer o conceito de tempo para a sociedade. No entanto, há cerca de dois séculos, a presença da iluminação artificial substituiu as grandes janelas e espaços abertos, tendo como alternativa o uso de lâmpadas em tempo integral.

Embora essa tecnologia tenha oferecido maior liberdade ao homem, não consegue oferecer os mesmos benefícios da luz natural, além de ocasionar aquecimento do espaço e ter um valor muito alto, tanto para uso quanto para manutenção. Diversas pesquisas indicam que a luz natural faz bem para a saúde, aumentando a disposição e, quando posta em ambientes de trabalho, aumentando também a produtividade.

As partículas de luz emitidas pela iluminação natural fazem com que o cérebro humano tenha uma percepção mais ampla sobre o ambiente, o que é ideal para ambientes comerciais e espaços de trabalho. O uso da iluminação natural, além de financeiramente viável é, portanto, uma excelente estratégia de marketing.

 

Por Que Valorizar o Uso da Luz Natural em Edificações?

Com isso em mente, o arquiteto deve analisar as possibilidades de inserção da luz natural em seu projeto. Ao permitir a entrada de luz solar, haverá diretamente uma economia do uso de energia elétrica, tanto pela redução de luzes artificiais quanto pelo uso do ar condicionado, uma vez que a iluminação natural não gera calor quanto lâmpadas comuns.

Além disso, o uso da energia solar, seja através de painéis coletores de energia ou na substituição de lâmpadas, é uma atitude ecologicamente correta e proporciona um ambiente mais confortável e saudável.

O Brasil, por exemplo, é um país com alta incidência solar, logo, cabe aos arquitetos e designers aproveitar tal oportunidade e gerar ambientes diferenciados que integram as vantagens de sua localização no globo com o bem estar daqueles que habitarão o espaço em questão.

 

Estratégias de Projeto e Alternativas à Iluminação Artificial

O grande truque para valorizar a iluminação natural está em manipular a entrada da luz de modo a fazer com que a mesma alcance uma maior profundidade sem perder sua intensidade. Nesse caso, o arquiteto deve analisar as dimensões do espaço e optar entre o uso de materiais refletores e absorventes de luz, para que a luz seja difundida de forma equilibrada, ou então realizar alterações estruturais, como modificações em janelas e paredes.

O vidro também faz diferença no dia a dia, pois é através dele que a luz chegará ao ambiente. Em locais com alta incidência solar podem ser utilizados vidros difusos e que diminuem a intensidade da iluminação. Também há a possibilidade do uso de Clerestory Windows, painéis refletores, claraboias e prateleiras refletoras, mas de nada adianta instalações modernas e sustentáveis sem a conscientização adequada dos usuários. Portanto, é preciso ensinar o uso adequado da iluminação artificial ou automatizar o processo através de sensores.

Para ter certeza acerca do projeto, o arquiteto pode simular com programas e cálculos, o nível de incidência solar em cada espaço, verificando quais materiais são mais viáveis para a obra e encontrando soluções para otimizar o espaço sem perder o estilo.

No próximo vídeo vamos entrar mais a fundo sobre as qualidades da iluminação natural. Vamos falar sobre alguns estudos recentes que falam no benefício para as vendas em lojas e o porque que isso acontece.

 

Adote a iluminação natural para um design sustentável

Em um mundo onde a consciência ecológica e a sustentabilidade são mais do que apenas chavões, a iluminação natural surgiu como uma estratégia altamente eficaz para arquitetos, designers de interiores e construtoras criarem espaços mais verdes e com maior eficiência energética.

Ao aproveitar o poder da luz natural e integrá-la de forma inteligente ao projeto de construção, os profissionais do setor podem reduzir sua pegada ambiental e ficar à frente do mercado.

Seção 1: O que é iluminação natural e por que ela é essencial para um projeto sustentável?

A iluminação natural incorpora luz natural em projetos de construção para minimizar a necessidade de iluminação artificial, reduzindo assim o consumo de energia e promovendo um ambiente interno mais saudável. Este princípio de design é a pedra angular da arquitetura sustentável, com foco na eficiência energética, conservação de recursos e bem-estar dos ocupantes.

Os benefícios da iluminação natural são numerosos, variando de custos de energia mais baixos e emissões reduzidas de gases de efeito estufa até maior conforto, saúde e produtividade dos ocupantes. Ao usar estratégias de iluminação natural de forma eficaz, os profissionais das indústrias de arquitetura e construção podem criar espaços que não são apenas ecologicamente corretos, mas também esteticamente agradáveis ​​e funcionais.

UM CURSO GRATUITO PARA A VANGUARDA DA INOVAÇÃO NA ARQUITETURA

UMA FUSÃO DE DESIGN SUSTENTÁVEL, EDIFÍCIOS DE ALTO DESEMPENHO E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

Ao clicar no botão, você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade, incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações.

Seção 2: Como a iluminação natural pode ser implementada no projeto de edifícios?

Várias técnicas e estratégias de iluminação natural estão disponíveis para profissionais nas áreas de arquitetura e construção. Esses incluem:

  1. Orientação do edifício:Ao orientar estrategicamente um edifício para capturar a luz solar de forma eficaz, os arquitetos e designers podem aumentar significativamente a penetração da luz natural nos espaços interiores.
  2. Projeto da janela:O tamanho, a forma e a localização das janelas são essenciais para maximizar a penetração da luz do dia. Tecnologias avançadas de envidraçamento, como revestimentos de baixa emissividade e vidro eletrocrômico, também podem ajudar a regular a quantidade de luz solar que entra em um edifício.
  3. Prateleiras de luz:Essas saliências horizontais, normalmente instaladas acima do nível dos olhos, ajudam a refletir a luz natural mais profundamente nos espaços internos, reduzindo o brilho e o ganho direto de calor solar.
  4. Janelas do clerestório:Posicionadas no alto das paredes, essas janelas permitem que a luz solar penetre mais profundamente no edifício, fornecendo luz indireta e difusa sem causar ofuscamento ou ganho excessivo de calor.
  5. Clarabóias e monitores de telhado:Essas soluções de iluminação natural introduzem luz natural de cima, iluminando espaços que podem não ter acesso a janelas ou outras fontes de luz natural.
  6. Tubos solares e tubos de luz:Esses dispositivos captam a luz solar no nível do telhado e a canalizam através de tubos refletivos, distribuindo-a uniformemente pelos espaços internos.

Seção 3: Como a luz do dia pode contribuir para as certificações de edifícios verdes?

A iluminação natural é um componente essencial de vários programas de certificação de edifícios verdes, como LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), BREEAM (Building Research Establishment Environmental Assessment Method) e WELL (International WELL Building Institute).

Arquitetos e designers podem ganhar pontos para essas certificações implementando estratégias eficazes de iluminação natural e demonstrando seu compromisso com o design sustentável e a gestão ambiental.

Seção 4: abordando preocupações comuns e equívocos sobre iluminação natural

À medida que a indústria adota cada vez mais a iluminação natural, é essencial abordar algumas das preocupações e equívocos mais comuns:

  1. A iluminação natural aumenta o ganho de calor e as cargas de resfriamento:Embora seja verdade que a luz solar pode aumentar as temperaturas internas, sistemas de iluminação natural bem projetados podem minimizar o ganho de calor usando dispositivos de sombreamento, colocação estratégica de janelas e tecnologias avançadas de envidraçamento.
  2. A iluminação natural sacrifica a privacidade: Soluções criativas de design, como vidro fosco ou estampado e colocação estratégica de janelas, podem manter a privacidade enquanto permitem a entrada de luz natural no espaço.
  3. A iluminação natural é adequada apenas para climas específicos ou tipos de edifícios:Embora alguns climas ou tipos de construção possam apresentar desafios únicos, as estratégias de iluminação natural podem ser adaptadas e personalizadas para atender a uma ampla gama de condições e estilos arquitetônicos. Essa versatilidade garante que a iluminação natural continue sendo uma ferramenta valiosa para o design sustentável, independentemente da localização ou tipo de projeto.

UM CURSO GRATUITO PARA A VANGUARDA DA INOVAÇÃO NA ARQUITETURA

UMA FUSÃO DE DESIGN SUSTENTÁVEL, EDIFÍCIOS DE ALTO DESEMPENHO E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

Ao clicar no botão, você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade, incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações.

Seção 5: Manter-se à frente do mercado com iluminação natural e design sustentável

À medida que cresce a demanda por edifícios ecologicamente corretos e energeticamente eficientes, arquitetos, designers de interiores e empresas de construção que priorizam o design sustentável terão uma vantagem competitiva.

Ao incorporar a iluminação natural em seus projetos, esses profissionais podem oferecer aos clientes soluções inovadoras que atendem aos rigorosos critérios das certificações de edifícios verdes e contribuem para um ambiente interno mais saudável e confortável.

Daylighting mostra um compromisso com a sustentabilidade e demonstra uma abordagem de design com visão de futuro. À medida que o mercado evolui, a adoção de princípios de design sustentável, como a iluminação natural, se tornará um diferencial crucial, permitindo que os profissionais se destaquem e atraiam clientes que valorizam soluções ecologicamente conscientes.

Seção 6: Descubra os serviços de consultoria em sustentabilidade da UGREEN e a plataforma educacional UGREEN Skills

Para ficar à frente no mundo em constante mudança do design sustentável, é essencial expandir continuamente seu conhecimento e experiência. A UGREEN, um serviço líder de consultoria em sustentabilidade, oferece uma gama abrangente de serviços projetados para ajudar os profissionais das indústrias de arquitetura, design de interiores e construção a elevar suas práticas de design sustentável.

Além dos serviços de consultoria, a UGREEN também oferece uma plataforma educacional dedicada chamada UGREEN Skills. Esta plataforma oferece muitos recursos focados em sustentabilidade e práticas de construção verde, incluindo cursos, workshops e webinars.

Ao fazer parceria com a UGREEN, os profissionais podem acessar as ferramentas e informações de que precisam para se manterem informados sobre as últimas tendências, tecnologias e melhores práticas em design sustentável.

Iluminação natural para arquitetos: a conclusão

Como as indústrias de arquitetura e construção priorizam a sustentabilidade, a iluminação natural surgiu como uma estratégia de design poderosa e versátil com benefícios de longo alcance.

Ao incorporar a iluminação natural em seus projetos, arquitetos, designers de interiores e empresas de construção podem reduzir o consumo de energia, melhorar o bem-estar dos ocupantes e demonstrar seu compromisso com a gestão ambiental.

Com o apoio dos serviços de consultoria UGREEN e da plataforma educacional UGREEN Skills, os profissionais podem se manter à frente do mercado, oferecendo soluções inovadoras e ecologicamente conscientes que os diferenciam da concorrência.

Junte-se ao crescente movimento em direção ao design sustentável e explore o potencial transformador da iluminação natural hoje.

UM CURSO GRATUITO PARA A VANGUARDA DA INOVAÇÃO NA ARQUITETURA

UMA FUSÃO DE DESIGN SUSTENTÁVEL, EDIFÍCIOS DE ALTO DESEMPENHO E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

8 A 12 DE JULHO DE 2024

EVENTO ONLINE E GRATUITO

Ao clicar no botão, você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade, incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações.

Caso necessite de nossos serviços na língua inglesa, clique aqui.

OUTROS VÍDEOS DA SÉRIE:

Vídeo 2- luminação Natural = Vender, vender e vender

Vídeo 3- Iluminação Natural – Como Aplicar com Consistência em Projeto?

Vídeo 4 – Elementos Para a Iluminação Natural na Arquitetura

LEITURA COMPLEMENTAR:

www.infoescola.com/fisiologia/ritmos-circadianos