fbpx

O conforto térmico em projetos de arquitetura é um tema premente, especialmente quando consideramos que estamos expostos a alterações climáticas cada vez mais acentuadas. 

Este é, inclusive, um dos grandes desafios dos arquitetos que buscam oferecer edificações de qualidade aos seus usuários.

Que tal aprender um pouco mais sobre a importância do tema e como garanti-lo em suas edificações? Continue essa leitura!

Uma casa se torna um lar quando oferece conforto térmico

Um dos motivadores para que os seres humanos começassem a construir seus lares é ter abrigo contra as condições climáticas. Ou seja, estar protegido contra o frio, as chuvas, os ventos, exposição ao sol, entre outros. Isso é o que torna a residência um verdadeiro lar: poder ter conforto contra as alterações do clima. 

Mas se a residência não é capaz de oferecer este conforto às pessoas, ela pode ser considerada realmente um lar? Não, pois ela não está cumprindo com uma de suas principais atribuições. Por isso, o conforto térmico em projetos de arquitetura é tão importante e faz tantos arquitetos quebrarem as cabeças tentando alcançá-lo em suas obras.

Conforto térmico: desafio para a arquitetura

Como vimos neste outro artigo, a percepção de calor e frio varia muito de pessoa para pessoa. Por isso, para tentar atender ao conforto térmico de forma geral, é importante seguir as orientações das normas de desempenho. Elas  possuem tabelas e diretrizes específicas, separando as zonas climáticas, guiando o arquiteto de acordo com o clima da região.

Os arquitetos devem, portanto, considerar o conforto térmico em projetos de arquitetura, levando em conta as particularidades ambientais do local. Para isso, é preciso visitar a área onde será feita a obra e observar os ventos, o percurso do sol e outras informações sobre a região. 

Mais do que isso, o profissional também deve fazer simulações em sistemas a partir destes dados. Só assim é possível ter uma visão mais clara e realista. Também é uma forma de fazer as alterações que sejam necessárias antes mesmo da obra ser executada.

Conforto térmico em projetos de arquitetura: qualidade e sustentabilidade

O conforto térmico em projetos de arquitetura se relaciona diretamente com o consumo energético. Afinal, ao aproveitar todos os recursos naturais e os materiais disponíveis para garantir o bom desempenho neste quesito, reduz o uso de equipamentos como o ar-condicionado e aquecedores. E isso pode representar uma economia de até 70% na energia. 

Assim, arquitetos que se preocupam com o conforto térmico em projetos de arquitetura oferecem, além de conforto, edificações mais sustentáveis. Em um momento onde insuficiência energética e degradação do meio-ambiente fazem parte da realidade, esta é uma atitude muito bem-vinda!

O que considerar para garantir o conforto térmico em projetos de arquitetura?

Existem alguns pontos principais que precisam ser considerados para que seja possível garantir o conforto térmico em projetos de arquitetura:

A posição da edificação em relação ao sol

Sabemos que o sol nasce do leste e se põe no oeste. Isso precisa ser considerado no momento de se projetar uma edificação. 

Em regiões quentes, por exemplo, as faces da residência voltadas para estes lados devem ser menores. Isso porque, dessa forma, elas absorverão menos calor. Já em regiões mais frias, o que se faz é o contrário.

Vegetação

A vegetação do local também pode ser usada como recurso para ventilar e sombrear a edificação. Isso, é claro, em casos de regiões quentes.

Distância entre as construções

Outro elemento importante para garantir o conforto térmico em projetos de arquitetura é a distância entre as construções. 

Edificações muito próximas umas das outras não ventilam o suficiente, o que pode acabar fazendo com que os cômodos fiquem abafados.

Formato do telhado

O formato do telhado é capaz de interferir na trajetória do vento, e, por consequência, na temperatura. Com isso, por exemplo, para que a residência seja mais fresca, a inclinação do telhado a favor do vento deve ser maior.

Como garantir conforto térmico em projetos de arquitetura?

Existem muitos critérios que precisam ser seguidos dentro das normas de desempenho para garantir conforto térmico em projetos de arquitetura. Para que tudo esteja de acordo, uma orientação pode ser a melhor saída. Aqui na Ugreen, oferecemos todo o suporte para que sua obra esteja de acordo com os requisitos exigidos.

Além disso, com a evolução do segmento, estão sendo criados muitos materiais inovadores, que buscam contribuir com o conforto térmico. Para acompanhar estas novidades, é importante estar atento. E para isso, você também pode contar conosco: basta assinar nossa newsletter para ficar por dentro de cada inovação.

Se você busca refinar seus conhecimentos em arquitetura, aplicando soluções sustentáveis, confira nosso catálogo de cursos

A UGreen é engajada em orientar e preparar arquitetos para o futuro da arquitetura sustentável. Venha fazer parte desta comunidade!

agosto 30, 2019
© 2018 UGREEN